Basta inserir sua palavra-chave e nós o ajudaremos a encontrar o que precisa.

O que procuras?

About

Logística e Medidas Sanitárias

Confira o passo-a-passo para ingressar no Reino Unido .

HÁ NECESSIDADE DE VISTO PARA INGRESSAR NO REINO UNIDO ?

Pessoas com passaporte brasileiro não precisam de visto para ingressar no Reino Unido. Pelas regras bilaterais, brasileiros podem permanecer em território britânico por até seis meses sem a necessidade de visto. É importante, no entanto, ter em mãos documentos que poderão ser solicitados por oficiais da imigração ainda no aeroporto internacional. São eles:
  1. Passaporte válido pelo tempo de permanência no Reino Unido
  2. Comprovação de que possui recursos financeiros para custear despesas durante o tempo de permanência no Reino Unido
  3. Documentação que comprove onde ficará hospedado e por quanto tempo
  4. Cópia da passagem aérea com a data de retorno ao país de origem
  5. Dica 1: Recomenda-se contratar um seguro-saúde de viagem
  6. Dica 2: Recomenda-se imprimir a carta da ONU que comprove que está credenciado para a COP26
Confira a seguiras regras e os documentos adicionais solicitados pelos governos britânico e escocês devido à pandemia.

QUARENTENA É EXIGIDA PARA QUEM VAI DO BRASIL PARA O REINO UNIDO ?

Era, mas não é mais. O Brasil saiu da lista vermelha, em uma decisão que passou a valer no último dia 10 de outubro. Com isso, qualquer pessoa credenciada na COP26 que viaje do Brasil para o Reino Unido está desobrigada de cumprir a quarentena se comprovar que está totalmente imunizada (com as duas doses ou dose única, por pelo menos 14 dias). Exclusivamente para quem estiver credenciado para a COP26, todas as vacinas contra a COVID-19, inclusive a Coronavac, serão aceitas.
Para quem não estiver imunizado, haverá necessidade de isolamento social, que deve iniciar em um hotel cadastrado para o cumprimento da chamada “quarentena gerenciada” (MQS, Managed Quarantine Service). O hotel deverá ser reservado com antecedência e ser localizado na cidade por meio da qual o  passageiro entrou no Reino Unido. Pelo “serviço de quarentena gerenciada”, o visitante terá suas despesas de hospedagem custeadas pelo governo britânico, o que inclui três refeições diárias e kits de testes de COVID-19. O dia da chegada conta como o dia zero.

COMO EU CALCULO O TEMPO DA QUARENTENA DESDE A CHEGADA ATÉ A LIBERAÇÃO ?

A chegada no Reino Unido ou na Escócia é considerado o dia zero da quarentena, ou seja, mesmo que você chegue pela manhã, aquele dia inteiro não contará como um dos cinco dias. A sugestão é tentar voos que cheguem à noite, mas cuidado pois, em caso de atraso, se chegar de madrugada vai perder um dia na contagem. Segue um exemplo prático, para facilitar. Se você chegar ao Reino Unido ou à Escócia no dia 25 de outubro, será conduzido(a) ao hotel de quarentena em transporte custeado pelo governo britânico no mesmo dia. Os cinco dias de quarentena começarão a contar a partir do dia 26 de outubro (dia 1), então, a quarentena será finalizada às 23h59 do dia 30 de outubro. Sendo assim, você poderá circular no Reino Unido a partir da madrugada do dia 31 de outubro.
Os governos britânico e escocês asseguram o transporte do hotel de quarentena (MQS) de volta ao aeroporto pelo qual você chegou ao país. De lá, caso tenha chegado por Londres, por exemplo, você mesmo terá de providenciar seu deslocamento até Glasgow ou até a cidade onde reservou sua hospedagem para os dias da Conferência.

PRÉ-COP: QUE MEDIDAS PRÉVIAS DEVO ADOTAR COM RELAÇÃO À VACINAÇÃO ?

Os governos da Inglaterra e da Escócia estão organizando uma série de recomendações sanitárias a serem adotadas ainda durante o processo de credenciamento para a COP26. Eles recomendam fortemente que todos que vão atender à Conferência do Clima estejam vacinados. A seguir, você poderá acompanhar informações sobre como proceder no período pré-COP.
  1. Código de conduta da UNFCCC COP26 – Já como parte do credenciamento, todas as pessoas registradas para acessar a “Zona Azul” da Conferência terão de assinar o código de conduta, que define as normas de segurança sanitária que deverão ser cumpridas por todos. O Código foi disponibilizado pela UNFCCC. O descumprimento poderá acarretar descredenciamento (debadging) e até sanções criminais.
  2.  Certificado de vacinação – Você deverá declarar o seu status de vacinação no portal de credenciamento da UNFCCC, que “recomenda fortemente” que todos que vão à COP26 estejam totalmente vacinados. A imunização é considerada completa 14 dias após a aplicação segunda dose da vacina. Menores de 18 anos e pessoas que participaram de testes da vacina também serão considerados totalmente vacinados. Recomenda-se salvar um PDF da comprovação de vacinação que pode ser obtido em português, espanhol e inglês no site do Conecte SUS. Todas as vacinas são aceitas para quem estiver credenciado para a COP26.
  3. Reservar estadia no MQS – MQS é a sigla, em inglês, para o serviço de gerenciamento de quarentena (Managed Quarantine Service), necessário para quem for à COP26 oriundo de países da lista vermelha, na qual o Brasil se insere. As pessoas credenciadas para a COP26 deverão reservar o serviço. O governo divulgou um site específico para a reserva por parte de pessoas que irão atender à COP26. Para preencher a reserva, é necessário ter em mãos, além de dados pessoais, também informações sobre data de partida e número do voo, além de horário, aeroporto e terminal de chegada no Reino Unido.
  4. Reservar hospedagem durante a COP26 – A agência oficial contratada pela UNFCCC para o serviço de reserva de hotéis (MCI) para os dias de realização da Conferência, entre 31 de outubro e 12 de novembro, já esgotou suas vagas. A partir de agora, as reservas deverão ser feitas o quanto antes diretamente junto aos hotéis ou em aplicativos de locação de imóveis. A UNFCCC recomenda cuidado redobrado com possibilidade de fraudes, tanto em ofertas cujos preços parecem “inacreditáveis” quanto ao compartilhar dados pessoais e bancários. A recomendação é que procure também por hospedagem em cidades do entorno, como Edimburgo, que fica a uma hora de trem de Glasgow, com boa frequência de transporte.

QUE DOCUMENTAÇÃO DEVO FORNECER NA FRONTEIRA INGLESA OU ESCOCESA ?

Na chegada ao Reino Unido e à Escócia, serão exigidos os seguintes documentos:
1) Passenger Locator Form preenchido – Esse documento está disponível aqui, e deverá ser preenchido 48 horas antes do embarque para o Reino Unido. A cópia do documento será solicitada já no check-in, bem como na fronteira dos países e nos transportes públicos. Então, deverá estar em mãos durante o tempo em que estiver em território britânico ou escocês.
2) Evidência de teste negativo de COVID-19  – O exame deverá ser feito nas 72 horas que antecedem a sua viagem para a Inglaterra ou para a Escócia.
3) A carta de confirmação da COP26, contendo o seu nome – O documento pode ser obtida no portal da UNFCCC e é emitido para todos os participantes cadastrados na Conferência. O ideal é ter esse documento impresso e em mãos, pois o mesmo poderá ser solicitado por operadores de transportes ou na fronteira dos países. Caso não tenha a carta, você pode ser impedido(a) de viajar para a Inglaterra ou para a Escócia.

0

Bitnami